Hot Rod- Loucos sobre Rodas

Rod Kimble (Andy Samberg) é um perdedor que se acha um acrobata de motos e junto com seu meio-irmão Kevin (Jorma Taccome) e seu dois amigos Dave (Bill Hader) e Rico (Danny McBride) fazem shows em sua cidade, que sempre terminam mal. Rod também busca o respeito de seu padrasto Frank (Ian McShane) que sempre o trata como um saco de pancadas.

Quando seu padrasto sofre um ataque cardíaco Rod decide fazer um grande espetáculo para arrecadar fundos para pagar a cirurgia de Frank e junto dos seus amigos idiotas e sua vizinha Denise (Isla Fisher) ele vai fazer de tudo para conseguir esse dinheiro.

Hot Rod é um filme hilário e totalmente nonsense, é um filme com uma historia simples e totalmente absurda, os saltos com sua mobilete te fazem rolar de rir, a Isla Fisher está uma gracinha como interesse romântico de Rod, a trilha sonora é um caso a parte, onde a banda de rock farofa Europe reina.

A cena que eles estão caminhando no meio da rua é uma das mais engraçadas, onde todos da cidade o seguem. Esse filme é estúpido, idiota, sem sentido e extremamente hilário, vale a pena você tirar algumas horinhas e ri bastante com esse filme.

Trailer

Corpo Fechado

Bruce Willis astro da primeira fita e o diretor M. Night Shyamalan se reúnem novamente para contar esta fabula sobre super-heróis. Feito logo depois do sucesso O Sexto Sentido não obteve o mesmo sucesso.

Dunn é um pacato pai de família com um casamento em crise, quando em uma viagem a procura de emprego sofre um grande acidente ferroviário onde ele é o único sobrevivente e não sofre nenhum arranhão.Ele vê sua vida mudar, com a chegada do misterioso Elijah Price (Samuel L. Jackson, Shaft, O filme) que lhe deixa um misterioso bilhete que faz Dunn revisitar seu passado atrás de respostas e ir a uma jornada de auto descoberta.

Corpo Fechado em minha opinião é o melhor filme de origem já feito. Merece ser visto e revisto e lamentar por que não haverá uma continuação. O estúdio responsável pela fita o vendeu de forma errada, prometendo ao publico um novo Sexto Sentido, o que acabou não ocorrendo. O filme é  uma obre- prima, feito  numa época onde Shyamalan nos entregava o que prometia.

Trailer

Platoon

Chris Taylor (Charlie Sheen, da série Two and Half Men) é um jovem recruta recém chegado no Vietnã. Taylor é um jovem idealista que se voluntaria para lutar a guerra e chegando lá ver seu pensamento mudar totalmente, vendo in loco o que na verdade foi aquela guerra.

Oliver Stone usou sua experiência como combatente no Vietnã para escrever seu primeiro longa- metragem e acertou em cheio, Platoon é um filme visceral e angustiante. Vemos jovem com sonhos no inicio esperando a hora de ir embora e voltar a seu país para no final encontrarmos apenas a vontade de estar vivos mais um dia.

Esses jovens são guiados por dois sargentos com pensamentos opostos, o pacifista e idealista Elias (Willem Dafoe) e o bélico e psicopata Barnes (Tom Berenger), os dois entram em um embate de idéias o que causa a divisão do batalhão, o que vai levar a uma jornada incrível.

Assistir o filme é uma experiência incrível e necessária, entendemos como o ser humano reage diante do perigo e chegamos a conclusão que contamos apenas com a gente. Como diz Taylor em uma parte do filme “lutamos com nós mesmo”. Essencial em sua videoteca veja e reveja sempre que puder para poder tomar um choque de realidade

P.S: Jhonny Depp participa  desse filme

P.s2: O filme foi ganhador de 4 Oscars

Robocop- O policial do futuro

Robocop é um filme de 1987 e tem como diretor Paul Verhoeven (Instinto Selvagem), o filme conta a historia de Murphy (o sumido Peter Weller) um policial honesto que é brutalmente assassinado pela quadrilha do sádico Clarence Boddicker (Kutwood Smith) e é transformado em uma máquina pela multinacional OCP (Omni Produtos de Consumo) empresa que controla  a policia  da cidade de Detroit.

Robocop é constantemente atormentado pelas lembranças de sua antiga vida, e acaba lembrando-se do dia de seu assassinato e vai atrás de  vingança para acabar com os responsáveis pela sua morte. Durante essa jornada acaba descobrindo a corrupção que domina a empresa que o criou.

Verhoeven não economiza na tinta e violência, retrato de uma época em que o politicamente correto não dominava os estúdios o que era uma coisa boa. Robocop tem mais dois filmes descartáveis, que em minha opinião  não merecem ser vistas. Veja o primeiro e seja feliz.

Trailer:

Bem- vindo ao Cinema Velho!

O Cinema Velho é um blog onde você não vai ler sobre as novidades do cinema e sim sobre aqueles filmes que você não dá muita atenção na videolocadora. Clássicos cinematográficos e os filmes considerados ‘menores’. Dicas de filmes, atores que já se foram, este blog será uma arca da velha, onde você encontrará muito mofo e nostalgia, espero que gostem e logo depois de ler os textos, procurem os filmes e tenha uma ótima sessão de filmes.